Investimento em Casal

  • . . .

Olá, sou casado no regime de comunhão total de bens e possuo um ótimo relacionamento com minha esposa. Tenho gerenciado conjuntamente nossos investimentos. Pergunta: Posso continuar investindo com um único CPF como tenho feito ou deveria desmembrar em dois? Qual a melhor alternativa para o nosso caso? Por que?

Grato.

Aprendiz Perguntado em em 12 de janeiro de 2018
Renda Fixa.
Adicionar Comentário
3 Resposta(s)
  • . . .

Prefiro usar um só CPF. O patrimônio comprado é do casal, para todos os efeitos.

Faixa Preta Respondido em 12 de janeiro de 2018.

Eu faço tudo em meu cpf, entretanto, estou começando a montar uma reserva com liquidez no cpf de minha esposa. Pois caso ocorra algum sinistro comigo, ela terá alguma reserva até acertar a transferência de patrimônio.

em 12 de janeiro de 2018.
Adicionar Comentário
  • . . .

Comunhão total de bens torna o patrimônio comum, independente de qual conta está, ou em qual DIRPF é declarado. Pode continuar com uma conta só, e patrimônio declarado em uma DIRPF só, para facilitar.

Isso dito, tentar envolver o cônjuge nos investimentos. Ok que nem sempre é possível, mas acaba sendo importante.

Investidor Respondido em 12 de janeiro de 2018.
Adicionar Comentário
  • . . .

Se sua preocupação é sucessão de direitos, ações entram em inventário, então, será preciso essa documentação para poder usufruir ou vender o bem. Mas não tem jeito, o melhor é concentrar num unici CPF.

Investidor Respondido em 27 de fevereiro de 2018.
Adicionar Comentário
  • Perguntas relacionadas

  • Disclaimer

    As respostas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Suno Research. Caso encontre algo que viole os nossos termos de uso, denuncie.

  • Sua resposta