Fundos de Shopping

Os fundos de shoppings, assim como as empresas listadas em bolsa, não estão muito expostos ao risco do crescimento de e-commerce?

Investidor Perguntado em 15 de maio de 2018 em Fundos Imobiliários.
' data-html="true"> Compartilhar
  • Comentário(0)
  • 1 Resposta(s)

    O risco do e-commerce é real. Mas não considero que os estragos podem ser tão grandes quanto nos EUA., pelos seguintes motivos:

    • Indústria de shoppings é muito subpenetrada no Brasil em comparação com EUA, tanto em participação no varejo quanto em ABL / 1000 habitantes.
    • Aqui as pessoas frequentam shoppings por causa da segurança, climatização, serviços, cinema e não só por causa de compras.
    • Algumas lojas já estão se adaptando ao E-commerce, como Magazine Luiza, que encontrou um modelo que harmoniza as lojas físicas e digitais.
    • O acesso a internet e a bancarização da população ainda são restritos no país, especialmente no norte/nordeste.
    • A infraestrutura no Brasil é péssima. É muito difícil replicar o modelo americano. Walmart tentou aqui por 20 anos  sem sucesso e parece que está saindo do país.

     

    Faixa Preta Respondido em 15 de maio de 2018.
    ' data-html="true"> Compartilhar
  • Comentário(0)
  • Perguntas relacionadas

  • Disclaimer

    As respostas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Suno Research. Caso encontre algo que viole os nossos termos de uso, denuncie.

  • Sua Resposta

    Ao postar sua resposta, você concorda com a política de privacidade e termos do serviço.