“Crash”: Rumores x Ação

  • . . .

E em caso de “Crash” interno ou mundial?

Como agir com a carteira de ações atual antes que ocorra ou quando houver índicios?

Sei que é oportunidade única de comprar garimpando nas “cinzas”, quando estabilizar.

Quando quase todas as ações estão subindo e ficando caro é uma maravilha. E perigoso também.

 

Grato,

Joni

Aprendiz Perguntado em em 28 de junho de 2018
Ações.
Adicionar Comentário
2 Resposta(s)
  • . . .

Eu sempre tenho em mente as palavras de Peter Lynch: “mais dinheiro foi perdido tentando antecipar correções de mercado do que nas correções em si”.

 

A minha sugestão caso você busque uma carteira de valor para o longo prazo é que você esqueça possíveis rumores/indícios de problemas macro e simplesmente foque em acumular bons ativos na sua carteira. Não esqueça de manter sempre que possível uma reserva em caixa para novos aportes, que vai servir justamente para que você possa aproveitar os descontos no mercado caso algum crash venha de fato a ocorrer.

Experiente Respondido em 28 de junho de 2018.
Adicionar Comentário
  • . . .

Em caso de crash, suas ações irão desvalorizar bastante logicamente.

Como estes movimentos costumam ser precedidos por grandes valorizações da bolsa, você pode ir formando caixa para aproveitar as oportunidades quando o ciclo inverter.

Caso se sinta confortável, também pode ir vendendo um poucos das ações que estiverem sobrevalorizadas.

Você pode também não fazer nada, ficar acumulando dividendos e esperar a crise passar.

De qualquer forma, é fundamental não vender as ações de boas empresas no pânico e nem comprar ações caras.

O desempenho da maioria das ações brasileiras irá depender majoritariamente da evolução do mercado interno, que já mostra sinais de recuperação.

Então qualquer queda que por ventura possa ser gerada por motivos alheios à recuperação econômica, provavelmente irá gerar excelentes oportunidades locais.

 

Faixa Preta Respondido em 28 de junho de 2018.
Adicionar Comentário
  • Perguntas relacionadas

  • Disclaimer

    As respostas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da Suno Research. Caso encontre algo que viole os nossos termos de uso, denuncie.

  • Sua resposta