Perfil de tiagolacerda
Investidor
256
Pontos

Questões
0

Respostas
37

  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Estratégias.

    Olá JOão…

    Foque no longo prazo, ESCOLHER AÇÕES E FIIS sólidos e consistentes, reinvestir proventos,, e especialmente BAIXAR PREÇO MÉDIO nos momentos de deságio, ou seja, se um papel BOM, SÓLIDO E CONSISTENTE, perder preço, compre mais, e enquanto o preço cair, mantendo-se sólido e consistente, COMPRE MAIS, COMPRE MAIS, COMPRE MAIS…

    é isso… simples assim.

    Abraço

    Tiago Lacerda

    • 381 visualizações
    • 1 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Estratégias.

    Olá Joana,,,

    são vários ….

    Luiz Barsi Filho  no Brasil é o principal… uma referência prá mim,,,  Costumo carinhosamente dizer que O Sr. Barsi é meu “mentor indireto”.. pois não o conheço pessoalmente mas estudei e segui TODAS as recomendações do mesmo,, assisti todas as entrevistas que ele deu para o Tiago Reis que foram divulgado no canal da Suno,,, as Cartas dele, enfim,, e outras entrevistas que ele concedeu para outros canais e imprensa…
    Mas no mundo tem vários autores e investidores que tenho como referência,, Warren Buffet, Peter Linch e até mesmo (podem rir,,) George Soros,, independente do que concordo ou discordo em cada um deles, eu sempre busco APRENDER… e esse é o ponto, ,, retenho o bom, aquilo que me serve e toco meu barco em frente… tento recompilar a minha maneira e criar meu próprio estilo.
    Gosto do Tony Robins, do T.Harv Eker, do Robert Kiosaky entre outros tantos.

    abraço

    Tiago Lacerda

    • 333 visualizações
    • 1 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Ações.

    Olá Ramalho.

    O primeiro ponto é que PL é uma referência instável, visto que o PREÇO varia e o lucro também varia,, em outras palavras, não é um valor fixo em ambas as peças da equação… e portanto, vc terá um PL variando no decorrer do tempo… é apenas uma referência, jamais analise apenas 1 único indicador ok ?

    Outra questão é o Dividend YIeld… eu gosto muito da versão YIELD ON COST onde ao invés do último valor de cotação você pega o PREÇO MÉDIO de um período,, assim você terá o TEU YIELD PESSOAL,,,

    PEGUE por exemplo o  preço médio que você realizou no período e estabeleça a relaçaõ entre a somatória dos  proventos no mesmo período…

    Com relação a TIET4 teríamos que pegar os dados oficiais no Balanço da empresa,, se tem acesso a isso a partir do site de R.I.. as vezes por delay ou divulgações erradas alguns dados ficam errado nos sites especializados.

     

    abraço

    Tiago Lacerda

    Resposta aceita por Ramalho. em 16 de Maio de 2018 Ganhou 15 pontos.

    • 366 visualizações
    • 2 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Sem Categoria.

    Olá Carlos,,

    este fundo não está no meu rol de análise…

     

    forte abraço

    Tiago

    • 0 visualizações
    • 8317 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Ações.

    Olá CRB…

    Não é verdade que NUNCA se vende ações,, você vende ações quando uma empresa PERDE os critérios de solidez e consistência, isso NÃO TEM A VER COM O PREÇO…

    Com relação ao preço, a única constatação é que o Investidor Buy and Hold procura AMPLIAR posições (comprar mais do papel) quando o preço está descontado, ou cai afastando-se do “teto histórico” do papel… nada além disso,…
    se atingiu a máxima histórica, aguarda-se a oscilação natural do mercado para comprar mais, nos momentos em que caiu em relação ao teto histórico. Isso se chama “baixar o preço médio” que alguns equivocadamente dizem que NÃO VALE A PENA dar atenção a isso, eu particularmente já considero o pulo do gato para qualquer holder.

    um abraço

    Tiago

    • 675 visualizações
    • 4 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Ações.

    Olá Angus,,,

    não há regras… Eu por exemplo, tenho alunos que preferem começar pelos FIIs,, outros preferem as Ações defensivas,,, eu particularmente comecei por Ações, pois descobri os fiis bem mais tarde, e posteriormente fui equilibrando com FIIs…
    VAi muito de cada um, mas não demora tanto assim não.. vá comprando todos os meses e reinvestindo,, vc vai ver que é relativamente rápido.

    abraço

    Tiago Lacerda

    • 363 visualizações
    • 1 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Fundos Imobiliários.

    Olá Lauro,

    um dos pontos que observo nos fundos de Papel é que não há como você analisar quais títulos a gestora está escolhendo, vocÊ confia, investe e aguarda. Já nos fundos do tipo Tijolo eu tenho o imóvel tangível, consigo avaliar região, preço/m2, potencial  de valorização, força do inquilino, contratos atípicos entre outros elementos que me dão muito mais segurança para a minha tomada de decisão.

    Tendendo a vencer a inflação, os FIIs do tipo Tijolo a meu ver superam os de papel. Não estou dizendo que de papel são ruins, apenas na minha opinião não entram para minha carteira.

    abraço

    Tiago

    • 409 visualizações
    • 2 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Estratégias.

    Olá Ronaldinho,,,

    o principal erro que tenho visto é “seguir a recomendação de alguém ou algo”, sem endossar, ou seja, sem entender o que está fazendo,, aí quando qualquer coisa dá diferente, o cara APAVORA e sai falando mal do mercado e de todo mundo…
    claro que estes problemas, não diversificar, ou diversificar demais e não ter paciência são problemas de iniciantes mas que facilmente o cara aprende, agora, aquele que tem ansiedade e sai “chutando” qualquer investimento, por seguir dicas, ou recomendações, sem endossar, é complicado,

     

    abraço

    Tiago Lacerda

    • 298 visualizações
    • 1 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Estratégias.

    Olá Roberto,,,,

    Não há regra,, isso irá variar de pessoa para pessoa… eu penso que uma reserva de emergência todos devem ter no entanto, compreender isso é algo importante.. “Emergência” é uma situação que vc tem que enfrentar dentro de 24h por exemplo,, tudo que passe de 3 dias úteis não será mais emergência e vc pode fazer uso do teu patrimônio alocado, ou seja, mesmo sem ser indicado, vender uma ação para usar..

    O mesmo se aplica a uma “reserva para aproveitar momentos” específicos, eu não faço uso disso, eu vou aplicando mês a mês conforme mencionei nas outras respostas, a cada mês avaliando a melhor oportunidade do momento…

    um abração e sucesso,

    Tiago Lacerda

    • 328 visualizações
    • 1 respostas
    • 0 votos
  • Investidor Perguntado em 16 de Maio de 2018 Estratégias.

    Olá Marcos,,,
    3k /mês é um excelente valor…

    Eu diria que Equilibrar FIIs e Ações Defensivas (geradoras de proventos) constituem a melhor forma… a meu ver… Eu foco SEMPRE em PROVENTOS, porém, a empresa tem que ser sólida e consistente,, mais vale o HISTÓRICO do que o último provento divulgado.

    abraço

    Tiago Lacerda

    • 290 visualizações
    • 1 respostas
    • 0 votos